Citrus Research & Technology
https://citrusrt.ccsm.br/article/5e57b32b0e882556195d5a13
Citrus Research & Technology
Note

DESENVOLVIMENTO DE UM MÉTODO PARA A OTIMIZAÇÃO DA TRANSMISSÃO EXPERIMENTAL DO VÍRUS DA LEPROSE DOS CITROS

Improved method for experimental transmission of citrus leprosis

VANDECLEI RODRIGUES, MARINÊS BASTIANEL, KAREN KUBO, ANDRÉ LUIZ FADEL, FERNANDA NICOLINI, VALDENICE MOREIRA NOVELLI e JULIANA FREITAS-ASTÚA

Downloads: 0
Views: 560

Resumo

A leprose, uma das principais doenças da citricultura, é causada pelo vírus da leprose dos citros, tipo citoplasmático (Citrus leprosis virus, cytoplasmic type - CiLV-C), transmitido de forma persistente por Brevipalpus phoenicis (Acari: Tenuipalpidae). O vírus permanece restrito à área da lesão e, conseqüentemente, ocorre em baixo título na planta hospedeira. Dessa forma, sua transmissão é altamente dependente do ácaro vetor, que deve ter condições adequadas para infestar satisfatoriamente as plantas-teste. Brevipalpus spp. costumam ser encontrados em pequeno número no campo, normalmente em frutos e ramos, próximos a abrigos, como lesões de verrugose e galerias de larva minadora. Em condições de laboratório, para aumentar as populações do ácaro, comumente os indivíduos são mantidos sobre frutos de citros que apresentam abrigos naturais ou em frutos que simulem verrugose, utilizando-se de uma mistura de farinha de trigo, gesso, areia fina e água. Nesse estudo, empregou-se a mesma mistura em folhas de citros com o objetivo de facilitar a fixação e a reprodução dos ácaros nas plantas e aumentar a eficiência de transmissão do CiLV-C em estudos controlados sobre a leprose, em casa de vegetação.

Palavras-chave

CiLV-C, verrugose, laranja doce, ácaro, Brevipalpus

Abstract

Citrus leprosis, one of the main diseases of the crop, is caused by Citrus leprosis virus, cytoplasmic type (CiLV-C) and transmitted in a persistent manner by the mite vector (Brevipalpus phoenicis). The virus is limited by the local lesions it induces in susceptible hosts and, consequently, is found in low concentrations in the host plant. Hence, its transmission is highly dependent on the mite vector, which needs adequate conditions to infest the test-plants accordingly. Brevipalpus spp. are often found in low population densities, normally close to shelters such as scab lesions and Asian leafminer galleries. Under laboratory conditions, mite populations are commonly reared onto citrus fruits presenting natural shelters or a mixture of wheat flour, fine sand, gypsum and water that mimics scab lesions. In this work we used this mixture on sweet orange leaves with the objective to favor the mites establishment and reproduction and, consequently, enhance the success of CiLV-C transmission in greenhouses studies. 

Keywords

CiLV-C, citrus scab, sweet orange, mite, Brevipalpus.
5e57b32b0e882556195d5a13 citrusrt Articles
Links & Downloads

Citrus R&T

Share this page
Page Sections