Citrus Research & Technology
https://citrusrt.ccsm.br/article/doi/10.5935/2236-3122.20100002
Citrus Research & Technology
Review

Epidemiologia do huanglongbing e suas implicações para o manejo da doença 

Huanglongbing epidemiology and implications for disease management

Renato Beozzo Bassanezi, Sílvio Aparecido Lopes, José Belasque Júnior, Marcel Bellato Spósito, Pedro Takao Yamamoto1, Marcelo Pedreira de Miranda, Diva do Carmo Teixeira & Nelson Arno Wulff

Downloads: 1
Views: 921

Resumo

Os recentes relatos da presença do huanglongbing (HLB) em algumas das maiores regiões produtoras de citros em países das Américas do Sul, Central e do Norte, principalmente o estado de São Paulo no Brasil e o estado da Flórida nos Estados Unidos, confirmam a grande capacidade de disseminação e progresso desta devastadora doença que coloca em risco a sustentabilidade do agronegócio citrícola nestes países. Anteriormente a estes relatos, poucos estudos epidemiológicos quantitativos haviam sido conduzidos por causa das dificuldades e dos riscos de se manter estes estudos por vários anos seguidos em pomares sem nenhum controle e pela própria natureza complexa deste patossistema, que inclui um longo período de incubação e sazonalidade de expressão dos sintomas. Apesar disso, nos últimos anos, informações úteis têm sido obtidas por estudos epidemiológicos realizados em São Paulo e na Flórida com respeito aos processos espaço-temporais que levam ao aumento do HLB, isto é, como a doença se dissemina e como progride. Estas informações são úteis para o estabelecimento e validação de estratégias eficientes de manejo desta doença, assim como para estimar a longevidade econômica e biológica de um determinado pomar sob determinadas condições de manejo. O objetivo desta revisão é fornecer informações atualizadas sobre a caracterização das epidemias de HLB e alertar os citricultores e agentes de defesa fitossanitária sobre a importância da adoção imediata de medidas quarentenárias para impedir a introdução do HLB em áreas livres da doença, assim como da importância da adoção de estratégias regionais de controle.

Palavras-chave

HLB, greening, epidemiologia, disseminação da doença, progresso da doença, danos.

Abstract

The recent reports of huanglongbing (HLB) in some of the major citrus areas of South, North and Central American countries, mainly in São Paulo State in Brazil and Florida State in USA, confirm the great spread and progress capabilities of this devastating disease that threat the sustainability of citrus agribusiness in those countries. Before these reports, few quantitative epidemiological studies had been conducted because the risks and difficulties of keeping those studies for several years in orchards without any control, and for the complex nature of this pathosystem which includes long incubation period and seasonality of symptoms expression. Despite of that, in the last years, useful information has been obtained from new epidemiological studies conducted in São Paulo and Florida concerning the spatio-temporal processes that lead to the increase of HLB disease, how it spreads, and how it progresses. This information can be used to determine and validate efficient management strategies as well as to predict the economic and biological longevity of an orchard under particular management conditions. The objective of this review is to provide an update of recent characterizations of HLB epidemics and alert citrus growers and phytosanitary agencies about the importance of immediate adoption of quarantine measurements to avoid HLB introduction in disease free areas, as well as on the importance to implement a regional control strategies for the disease.

Keywords

HLB, greening, epidemiology, disease spread, disease progress, crop loss.
595ce1eb0e8825327980248d citrusrt Articles
Links & Downloads

Citrus R&T

Share this page
Page Sections