Citrus Research & Technology
https://citrusrt.ccsm.br/article/doi/10.4322/crt.00160
Citrus Research & Technology
Nota

Rentabilidade da produção familiar de laranja Valência: estudo de caso no município de Mogi Guaçu – SP

Profitability of Valencia orange production in a family farm: a case study in the municipality of Mogi Guaçu, Sao Paulo State, Brazil

Elaine Cristina Leonello , Maura Seiko Tsutsui Esperancini & Saulo Phelipe Sebastião Guerra

Downloads: 1
Views: 606

Resumo

Na última década a citricultura brasileira vem enfrentando grandes desafios com a queda tendencial da demanda dos principais mercados consumidores de suco de laranja. Além disso, a produção citrícola tem enfrentado uma conjunção de fatores nem sempre favoráveis à produção, como quedas de preços e aumento de custos, principalmente devido ao ataque de pragas e doenças. No setor há basicamente dois mercados consumidores distintos: consumo in natura (laranja de mesa) e matéria-prima para produção de suco e produtos secundários oriundos de laranja (laranja de indústria). Grandes produtores de laranja baseiam a rentabilidade de seu sistema na especialização da produção de laranja para indústria, pois permite maior eficiência do trabalho e no uso de bens de capital. No entanto, pequenos citricultores têm mais facilidade em administrar e combinar diferentes manejos para a produção de laranja para mesa e para indústria concomitantemente, possibilitando reduzir risco de preços desfavoráveis em um determinado mercado. Procurou-se verificar se essa estratégia alcançou o objetivo de gerar lucro na produção de laranja para mesa e para indústria em um ambiente de risco de mercado a partir de um estudo de caso de uma propriedade familiar de 20 hectares com laranja valência na região de Mogi Guaçu/SP. Os resultados mostram que, mesmo em pequenas escalas de produção, é possível obter níveis satisfatórios de rentabilidade, com indicadores assumindo valores positivos e satisfatórios. 

Palavras-chave

agricultura familiar, citricultura, laranja de mesa, laranja de indústria.

Abstract

In the last decade, the Brazilian citriculture has been facing great challenges with the tendential fall of the main consuming markets of orange juice demand. Furthermore, citrus production has faced a combination of factors not always favorable to production such as price declines and rising costs, mainly due to the attack of pests and diseases. In the sector, basically there are two distinct consumer markets: consumption in natura and raw material for juice production and industrialized by-products from orange. Orange large producers base their system’s profitability on the specialization of orange production for industry as it allows greater labor efficiency and greater use of capital goods. However small citrus growers are more likely to rule and combine different managements for the production of orange in natura and for industry concurrently, making it possible to reduce risk of unfavorable prices in a given market. We aim to verify if this strategy reaches the objective of generating profit in the production of orange in natura and orange for industry in a market risk environment based on a case of a 20-hectare family property with Valência orange in the region of Mogi Guaçu/SP. The results show that even at small production scales it is possible to obtain satisfactory levels of profitability, with indicators assuming positive and satisfactory values.  

Keywords

Family farm, citriculture, orange in natura, orange for industry
5cace0300e8825207efa9a2d citrusrt Articles
Links & Downloads

Citrus R&T

Share this page
Page Sections